Como funciona o Leilão de Motos do Detran? Saiba tudo sobre o leilão

Publicado por Carolina em

Anúncios

Quer saber mais sobre como funciona o Leilão de Motos do Detran? Responderemos tudo sobre isso neste artigo. Confira.

Para os amantes de motos, principalmente os modelos mais caros e cobiçados, ou até os clássicos, o sonho de possuir um exemplar pode parecer distante.

Anúncios

Porém, é possível adquirir essas motos através de leilões, onde os preços são muito mais baixos e pode ser mais confiável.

Falando em confiabilidade, o Leilão de Motos do Detran, com certeza garante isso. Por ser um órgão público, a vistoria bem realizada, além de ter segurança na negociação comercial.

Veja Também:

    • Conheça os melhores aplicativos para dormir bem
    • Conheça os principais sintomas da Pressão Alta
    • Aplicativo do álbum digital da Copa do Mundo

Conheça o Leilão de Motos do Detran

O Departamento Estadual de Trânsito (Detran), faz a fiscalização do cumprimento das leis de trânsito de cada estado.

As motos leiloadas no Detran, são, em sua maioria, apreendidas em blitz por alguma irregularidade, seja na documentação, como na CNH, ou no próprio veículo.

Anúncios

Outra maneira de motos irem para o leilão, são os veículos de troca de frota dos órgãos públicos. Esses são, geralmente, muito bem conservados.

Também existem motos que envolvem-se em acidentes de trânsito e são apreendidas também por certas irregularidades.

Os veículos apreendidos, então, são levados ao pátio do Detran, onde permanecem até que os proprietários regularizem toda a documentação. Por vezes, o valor é alto, fazendo com que os donos dos veículos nos abandonem.

Assim, o Detran leiloa essas motos para cobrir os custos e para arrecadar fundos.

Como funciona o leilão?

Anúncios

O funcionamento do leilão promovido pelo Detran, é no modo convencional, sendo que o arrematante que der o lance maior, leva o lote, ou seja, a moto.

Os leilões que o Detran realiza, são feitos nas modalidades presencial e online. Assim, no modo presencial, deve-se comparecer ao local indicado no edital do leilão, encontrado no site.

No modo online, deve-se acessar o site do Detran do estado escolhido. Assim, deve-se ler o edital para saber os horários e datas dos leilões, assim como os prazos de pagamentos, que são feitos à vista, e os detalhes de cada lote, como marca, modelo e estado de conservação.

O que fazer depois de arrematar a moto?

Depois de arrematar um moto no Leilão do Detran, o comprador deve regularizá-la. Assim, é preciso dirigir-se ao Detran da cidade, portando os documentos pessoais (CPF e CNH), e os documentos da moto que são coletados na leiloeira.

O prazo para fazer a regularização da documentação após o arremate é de 30 dias. Por isso, é importante verificar toda a documentação da moto no edital. Se houver alguma dívida, o antigo proprietário é que deve quitá-la, o que pode dar dor de cabeça. Então, saiba escolher.


0 Comentário

Deixe um comentário

Espaço reservado para avatar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

pt_BRPortuguese (Brazil)