// Anchor

Paulistão deve voltar no final de julho ou começo de agosto, conforme estima secretário de esportes de SP

Published by jornalnanett on

Anúncios

A explicação veio em seguida do diretor do estado, João Doria, desenvencilhar a volta dos treinamentos em 1º de julho.

A pandemia do novo coronavírus possui produzido farto prejuízos para o país, e o futebol similarmente acabou sendo buscado com a parede não apenas dos campeonatos nacionais e estaduais, porém de todas as atividades relacionadas ao esporte.

Anúncios

Perante dessa situação, os clubes liberaram que seus atletas pudessem voltar para casa, inclusive aqueles que moram fora do país. Felizmente, o exposição está começando a modificar e eles precisam voltar aos treinamentos no início de julho.

Na última semana, os presidentes de Corinthians, São Paulo e Palmeiras se reuniram com representantes do governo para rebater o retorno dos treinamentos, recebendo a concordância do diretor para que as atividades sejam retomadas pouco a pouco.

O Auxiliar de Esportes de São Paulo, Aildo Rodrigues Ferreira, aproveitou a situação para similarmente permitir sua explicação. Em depoimento, ele revelou que aposta na estabilização da pandemia no estado, com todas as regiões saindo da brega vermelha de perigo.

Anúncios

Nesse exposição, o Auxiliar delonga que os campeonatos sejam retomados entre o final de julho e início de agosto. Para isto, os clubes precisam seguir a risca os protocolos de segurança e as partidas acontecerão com portões fechados, sem a figura da torcida.

De acordo com ele, os clubes similarmente precisarão de um tempo até que todos seus atletas retornem para os treinamentos e retomem condições físicas para voltarem a exercício, o que precisa provocar entre 3 e quatro semanas.

Vale advertir que o Torneio Paulista foi siderado em março, no momento em que faltavam somente duas rodadas para o terminal da primeira ciclo. Serão necessárias ao menos mais seis datas para terminar a partida também no ano de 2020.


0 Comments

Deixe um comentário

Avatar placeholder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *